sábado, 13 de abril de 2013

Espalhafato

Não sei se é impressão, se estou frequentando os lugares errados, mas parece haver, no mercado, uma hegemonia do espalhafatoso. Se você procura uma armação de óculos, se depara com uma pletora de formatos inusitados, tamanhos inverossímeis, tudo adornado por frisos assim e assado, de cores cítricas, às vezes fluorescentes. Isso na seção masculina. Uma vitrine de loja de material esportivo só pode ser contemplada de ouvidos tampados, tantas as cores gritantes. Já vejo o dia em que terei que recorrer a um contrabandista, na calada da noite, para obter, por um valor extraordinário, uma gravata preta.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário